quinta-feira, 1 de maio de 2008

O CAÇADOR DE PIPAS.

Muito interessante o romance , O Caçador de pipas. Uma história inteligente e emocionante sobre a amizade, a vida, as fraquezas humanas, as escolhas que fazemos e as oportunidades que temos.
Muitas vezes apesar de muitos serem ricos financeiramente falando, não o são interiormente. Falta-lhes a energia o fluir da vida , a inteligência, a coragem. Era assim com Amir um menino tímido, que fugia de encrencas. Já Hassam apesar de ser seu empregado era muito mais corajoso e perspicaz que ele.

Num festival de pipas Hassam consegue uma pipa para Amir, a pipa que lhe daria a vitória no festival. Ele sai como grande vencedor, seu pai pela primeira vez sente orgulho dele, algo que ele sempre se ressentira pois achava que seu pai não gostava de seu jeito retraído. Mas o verdadeiro herói do feito foi Hassam. Numa de suas incursões atrás de pipas Hassam fica acuado por um grupo de rapazes que eram preconceituosos em relação a sua etnia e o estupram. Amir vê tudo de longe mas com medo não intervêm. A partir daí a convivência com seu amigo Hassam se torna insuportável, pois ele sabe que Amir viu o que aconteceu e não o defendeu. Por fim Amir engendra um plano para mandar Hassam embora. O tempo passa O Afeganistão é invadido pela União Soviética e Amir e seu pai viajam para os Estados Unidos e lá ficam por muitos anos. Hassam se casa torna-se um escritor bem sucedido, mas seu passado o atormenta . Por fim o destino o faz retornar a Cabul. Descobre que Hassam era na verdade seu meio irmão, filho também de seu pai com outra mulher. E agora o filho de Hassam seu irmão que acabara morrendo, precisa de sua ajuda. Amir vê então a chance de redimir -se de seu passado e enfim fazer uma escolha corajosa. Muito bom o livro. E tem também o filme.
Postar um comentário