terça-feira, 5 de agosto de 2008

MORRE ALEXANDER SOLZHENITSYN

Muitos russos lamentaram nesta segunda-feira, 4, a morte do escritor russo Alexander Soljenítsin, cujas críticas à tirania do comando soviético o tornaram uma das figuras mais corajosas do século XX. Soljenítsin, vencedor do prêmio Nobel de literatura em 1970, morreu no domingo aos 89 anos, como consequência de problemas cardíacos, em sua casa perto de Moscou.

.
Postar um comentário