domingo, 13 de setembro de 2009

GRITOS DO SILÊNCIO



As vezes me dá vontade de gritar, de dizer que estou farto, mas me aquieto.
As vezes me sinto assim só, como se vivesse prá mim mesmo, com tantas idéias e pensamentos que só eu posso pensar.
Não tenho idéia das outras idéias, vivo meu mundoi interior, porque as vezes é letal revelar o que está ali, em silêncio......
Será que há outros que como eu, não entendem esse mundo? Será que como eu, algumas pessoas se cansaram de discursos, de bons sentimentos, de certezas absolutas, de uma vida moldada por ditames de um mundo perfeito onde é proibido se sentir triste ou mostrar algo que não seja um sorriso nos lábios.......?
Se somos filhos da Natureza, porque não temos ciclos como ela, porque nos importamos tanto em manter as aparências ? Tudo caminha , tudo se dissipa, tudo volta de novo ao princípio e de novo volta ao pó.
Celsao em 13/09/2009 as 9.44
Postar um comentário