terça-feira, 7 de junho de 2011

COMO O POUSAR DE UM PÁSSARO NOS DEDOS.


Estamos tão acostumados a viver nosso dia a dia, com nossas muitas atividades que nem paramos para perceber como a vida é frágil. Sabemos que temos muitas defesas em nosso organismo, mas muitas vezes um simples vírus de gripe nos abate. Apesar de grandes, inteligentes, somos também frágeis. Estes dias em meu serviço uma colega de trabalho teve um mal súbito. Seu coração acelerou , ela precisou ser levada as pressas ao hospital. Em menos de meia hora em que conversávamos ela estava na mesa de um hospital, num procedimento cirúrgico, onde pararam seu coração por 30 segundos para controlar seus batimentos. Percebi então que a vida é frágil É como um pássaro que pousa nos dedos de nossas mãos. Sabemos que num simples respirar ele pode voar. .. Para sempre... Assim é a vida. Delicada, suave.....
Postar um comentário