quarta-feira, 28 de setembro de 2011

KIRIKU E A FEITICEIRA!!!

Ao começar a assistir esse filme tem-se a impressão que é um filme bastante infantil. Mas é só impressão.

Kiriku e a feiticeira é um desenho pra gente grande .
Mostra uma África cheia de vida, de musicalidade, com um povo diferente e maravilhoso.
Mas o que mais acho interessante no filme é o tratamento dado ao problema do mal.
Nossa cultura ocidental, enxerga  os vilões como maus por natureza, como pessoas sem alma, e sem valor algum, que inclusive no final devem ser exterminadas. É só assistir aos inúmeros filmes dos estúdios americanos para se comprovar isso.
Mas Kiriku um menino que nasceu muito pequeno não pensa assim. Aliás seu tamanho pequeno é uma grande metáfora de como as vezes tamanho não adianta para resolver grandes problemas. Muitas vezes é preciso ser muito, mas muito pequeno para enfrentar situações adversas.
O tratamento dada a questão do mal, vai até as raízes do problema, não fica boiando na superfície, não procura culpados em busca de castigos intermináveis, mas sim compreender ....
É é nessa atitude de compreensão que Kiriku percebe que a feiticeira não é má, ela está má, por algum motivo , por algo que aconteceu no seu passado e que envenenou sua alma. 
E no momento em que ele descobre o real motivo da maldade da feiticeira, ele vai até ela e,,,, simplesmente extirpa o espinho que estava encravado em suas costas. . O feitiço está desfeito.
Podemos dizer que não existem pessoas más, ou ruins, mas as circunstâncias da vida acabam transformando sua alma. É preciso que todos nós tenhamos esse espírito de compreensão, de amor, para libertar, para tirar os espinhos que fazem tantas pessoas maravilhosas, serem vistas como  más ou antisociais. É nosso grande desafio.....
Postar um comentário