sexta-feira, 23 de setembro de 2011

O IPÊ QUE NÃO QUIS SER POSTE!!!


A vida tem uma força tremenda. Apesar de tantas dificuldades, desafios, teimamos em continuar vivos. Quantos de nós já não enfrentou doenças sérias, sobrevivemos a acidentes. Eu mesmo já superei um tratamento de hepatite C que é terrível durante seis longos meses, e além disso quando jovem vi tudo que eu tinha ser levado pela enxurrrada em uma grande tromba d"agua ocorrida na cidade de Votorantim em 1982. Estou vivo hoje para contar essa história. Mas não estou aqui para falar sobre mim, mas sim sobre a incrível história de um ipê amarelo que não quis ser poste.Um ipê amarelo teria florescido novamente, mesmo depois de ter sido serrado e transformado em poste de luz. O milagre teria acontecido em Porto Velho, capital de Rondônia.


Ipe amarelo teria renascido depois de ter sido cortado virado poste de luz!

Ipe amarelo teria renascido depois de ter sido cortado virado poste de luz! Será?

Será que essa história é verdadeira ou farsa?

É real e aconteceu, de fato, em Porto Velho!

Segundo um artigo publicado no Rondonia Digital, há umas décadas atrás, a companhia de energia na época ainda usava postes feitos utilizando-se madeiras nativas da região.

O tal poste veio de um ipê amarelo – abundante por lá – e, depois de fincado no chão e servir por vários meses como poste de luz, acabou criando raízes e florescendo novamente – para espanto de todos.

A imagem abaixo mostram o poste vivo, em um ângulo diferente:

ipe amarelo renasceu depois de cortado e ter virado poste de luz

ipe amarelo renasceu depois de cortado e ter virado poste de luz

Segundo o Estância Árvore da Vida, a SEMA (Secretaria do Meio Ambiente) solicitou, algum tempo depois, a mudança da fiação elétrica para um poste de concreto que foi colocado ao lado para poupar a árvore teimosa.

O poste de luz florido virou atração turística na cidade e tem a sua floração em julho. O WikiMapia mostra a localização exata da ex-árvore-ex-poste que fica na Avenida Jatuarana e, segundo um comentário publicado na página do WikiMapia, o fato teria acontecido há mais de 20 anos atrás.

Postar um comentário