quarta-feira, 26 de setembro de 2012

EXPERIMENTAR PARA APRENDER!!!


Como professores e pais temos a tendência natural de querer aconselhar nossos alunos e filhos a seguirem por um caminho que já trilhamos, já conhecemos, e com certeza sabemos em que parte da jornada há pedras, armadilhas, buracos....
Como amamos nossos alunos e filhos não queremos que se machuquem . Por isso o aconselhamento.
Mas do outro lado, estão as crianças, os adolescentes, os jovens.
Seu espírito é de inovação, rebeldia, enfrentamento. Na mente de cada um deles está a sede pelo desconhecido, o desejo intenso de experimentar.
Aí ocorrem os conflitos. Porque na visão dos adultos é preciso fazer valer a experiência dos mais velhos, seguir caminhos já conhecidos. Mas os jovens querem fazer seus próprios caminhos, querem ser eles mesmos, afirmar sua personalidade.
Me lembro muito bem de quando nosso adolescente em casa começou a "Soltar as asas". Em certo momento, minha esposa dizia " Você vai bater a cabeça" E ele dizia " Deixe então eu bater a cabeça" Deixa me aprender por mim mesmo.
Há de certo, seres humanos mais evoluídos que aprendem através do erro dos outros. Esses são poucos mas existem. Mas a grande maioria só aprende errando, caindo em armadilhas, batendo a cabeça. Experimentar é o cerne do aprendizado. Só podemos dizer que vivemos se experimentamos, se mergulhamos de cabeça na situação.
Apesar de perigoso, dolorido o processo de crescimento funciona assim.
Nós como pais e educadores devemos entender que a Vida se desdobra de forma conflituosa, não é um caminho tênue... Precisamos aceitar e confiar , de que apesar de imaginarmos que aquele jovem ou adolescente não vai dar certo entender que é processo de vida os erros que comete, e que ele vai amadurecer e vai ser um vencedor!!!
Postar um comentário