domingo, 14 de outubro de 2012

A VITÓRIA DO PROTESTO!!!


A gente percebe que as pessoas tem dificuldade em entender e discutir política. É algo tão íntimo e apaixonante que qualquer comentário pode se tornar uma defesa pessoal emocionada e intransigente de um ponto de vista.
Há um ditado que diz que " religião , política e futebol não se discute" Mas essa premissa é falsa, ou foi inventada por aqueles que querem continuar no comodismo.
A palavra discussão é mal interpretada. Pessoas na maioria das vezes a interpretam como briga, desacordo, desarmonia, baderna.
Nada disso. A origem etimológica de discussão vem do latim " discutio is cussi  cussum cutére" e seus principais significados seriam " sacudir, dissipar, julgar.... Dizia que era como sacudir a terra que ficavam entre as raízes de uma planta para ver se estas estavam boas" 
Portanto discutir é algo produtivo, enriquecedor e que nos permite perceber o que há por trás de " boas" intenções.
A  democracia surgiu na Grécia e só os cidadãos na Grécia participavam ativamente do processo político. Mas como toda ideia, tinha falhas, pois cidadão na Grécia era algo difícil de se tornar.
Apenas 10% da população era considerado cidadão. Mulheres, escravos e estrangeiros ficaram de fora.
Assim , vemos que política é algo realmente muito controverso e apaixonante.
Nas últimas eleições aqui no Brasil pudemos perceber isso em São Paulo. No principio Celso Russomano, com poucas propostas liderava . . Serra e Haddad também tinham pouco a dizer.
Por isso os quase 2 milhões e quinhentos votos nulos e brancos refletem um protesto, um descontentamento que com certeza vai aumentar dia a dia, pois a maioria dos partidos políticos pouco tem a oferecer e o próprio Partido dos Trabalhadores que tinha um viés romântico de um partido que não se corrompe, nos mostrou que o poder realmente transforma grupos e pessoas. 

A vitória do protesto nos dá subsídios para pensar que política tem que ser melhor compreendida, estudada, Que é preciso formar políticos em Universidades, que não é possível continuar a ver pessoas que mal sabem ler e escrever querer mudar o páis. De outro lado , de nada adianta ser culto e intelectual como um Fernando Henrique Cardoso e ao mesmo tempo não ter um compromisso com as classes mais desfavorecidas.
O brasil melhorou muito. Diminuímos a pobreza nesses últimos 20 anos, diminuímos a mortalidade infantil. Há mais empregos, mais oportunidades. O ensino, apesar de pouco tem apresentado melhoras.... Mas fundamental mesmo é politizar a grande massa de brasileiros que apenas vota em troca de favores.
Postar um comentário