domingo, 21 de outubro de 2012

EU NÃO DEIXO MEUS PASSOS NO CHÃO!!!











Linda a música Primeiros erros de Capital inicial. Fala muito de vida, da vontade que temos de voltar ao passado e consertar situações que ficaram para trás que não conseguimos resolver a contento, que talvez quiséssemos que tomassem outro rumo.
Mas todos sabemos que é impossível voltar ao passado. Apesar de a ficção científica trabalhar com a questão da viagem no tempo, isto no momento não é possível ao homem. E se fosse possível, traria situações inusitadas ao nosso presente e futuro.
Precisamos administrar o que temos, nosso presente, e os erros cometidos devem servir como uma escada que nos levem a situações mais adequadas.
As vezes só chove, chove..... as coisas continuam iguais, parece que os problemas, as situações difíceis não passam... Que bom se meu corpo virasse sol, minha mente virasse sol.... Queremos o perfeito, o agradável, o paraíso.
Talvez o mais delicado nesse processo é que as pessoas em geral nos cobram posicionamentos ,querem que tenhamos um comportamento social aceitável, de acordo com o que vivenciamos na vida.
Se sou professor , preciso viver de acordo com princípios que levem meus alunos a me verem como exemplo.
No papel social de pai, tenho que ser  exemplar,  prover o sustento de minha família e de meus filhos. Erros não são perdoados.
No papel social de irmão, companheiro, marido, filho, somos cobrados a ser exemplo.Mas ninguém nasce pronto, a vida é uma peça de teatro que apresentamos sem ensaio.
Por isso penso que não há espaço para cobranças. Não gosto de ser obrigado a "ser" dessa maneira ou daquela, porque assim a sociedade exige.
Eu não deixo meus passos no chão, eu não quero ninguém me seguindo, eu não sou líder de ninguém  sou apenas um ser humano que busca fazer o melhor dentro de suas possibilidades. 
Enfim, como consolo, podemos levar como principio o que nos disse Chico Xavier " eu não posso voltar atrás e fazer um novo começo, mas posso começar agora e fazer um novo fim!!!
Postar um comentário