segunda-feira, 24 de dezembro de 2012

FAZER O CERTO NÃO É SUFICIENTE!!!



Desde crianças somos ensinados a sempre fazer as coisas do jeito certo, a falar a verdade a não mentir. Essa é uma das bases da moral e ética do ser humano, buscar sempre o que é certo, a verdade.
E assim caminhamos no mundo , e procuramos seguir os ensinamentos de nossos pais.
Em casa, com os amigos, na empresa, na Igreja, procuramos ser corretos, salvo algumas pessoas que por desvio de caráter , são exceção nessa regra.
Mas então quando fazemos exatamente o que nos ensinaram, quando somos éticos, quando semeamos o bem.... acontece algo que nos incomoda. Nosso plano tão bem abalizado não dá certo.
Sim é possível fazer tudo certo, seguir a risca a cartilha da verdade e prudência e mesmo assim nos darmos mal.
Porque na verdade fazer o certo não é suficiente, precisamos ir além de uma conduta ética.
Muitas vezes como profissionais somos um exemplo de competência e assiduidade e mesmo assim não alcançamos a promoção ou o reconhecimento que tanto almejamos
Como pais muitas vezes estamos certos ao dar limites aos nossos filhos, ao determinar sanções ao seu comportamento, e assim mesmo falhamos.
Numa instituição religiosa podemos ser exemplo como membros, como obreiros e mesmo assim não alcançarmos o patamar que queremos.
Além de fazer certo é preciso fazer da “forma”, do jeito certo. Isso muitas vezes não é nos ensinado quando crianças.
Precisamos ligar nossas “antenas” para perceber a maneira correta de encaixar “ o certo” e assim obter sucesso naquilo que estamos planejando. Isso exige sintonia, percepção e sensibilidade, habilidades que precisamos desenvolver!!!
Postar um comentário