sábado, 27 de julho de 2013

RANKING DEFINE QUALIDADE?



Gosto  do diHITT porque é um dos poucos lugares onde as notícias tem conteúdo, nos levam a reflexão, nos trazem novos conhecimentos, muito embora existam também alguns links duvidosos e até apelativos.
Participo dessa rede há mais ou menos dois anos. A principio, tinha pouco interesse, apenas enviava algumas reflexões, mas não me importava com ranking ou comentar notícias. Pouco a pouco fui tomando gosto pela coisa e comecei não apenas a votar... eu lia texto por texto e fazia comentários pertinentes ao assunto, balizados no que eu havia lido. Realmente existe boa qualidade nos posts, mas alguns eram cópias de  artigos de outras revistas de circulação nacional.(nada contra) Outros artigos traziam dados que poderiam ser facilmente contestáveis em uma boa pesquisa na Net, por isso a importância de ao escrever, buscar a maior quantidade de dados possíveis. Há muitas informações, mas precisamos garimpar, pois corre-se o risco de passar  uma ideia  falsa, ou distorcida.
No futebol, existe a conceito de fair play que é o jogo limpo, o espírito ético, as relações amistosas entre as equipes.
Aqui no diHITT comentamos a notícia do colega, esperando uma reciproca, que nos visite, que nos faça um gesto de simpatia.... mas uma minoria faz isso. Posso até supor que a maioria nem leia o assunto, mas simplesmente ocorra uma barganha por votos como no Addmefast... eu clico e curto suas postagens, e em troca você curte as minhas, pura matemática sem compromisso com a leitura, o entendimento , a reflexão. 
Isso me leva a refletir na ditadura dos números.... Vivemos de estatísticas. Queremos ser os primeiros, queremos ter quantidade.... no salário, nas relações interpessoais, nas visitas ao nosso blog, na educação.....
Mas a qualidade vai ficando para trás, a reflexão, o aprendizado. Pesquisas confirmam: Brasileiro lê pouco, e o que lê muitas vezes carece de conteúdo.
Bem, o mundo está ai, e não vamos mudar o mundo, mas através de algumas atitudes podemos melhorá-lo. Quem sabe eleger a qualidade como nosso objetivo primeiro, não seja um grande passo a ser dado?
Postar um comentário